segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

1º ANO – INDICADORES ÁCIDO-BASE

No nosso cotidiano, muitas vezes nos questionamos onde podemos encontrar ácidos e bases. Um dos conceitos que mais tem evoluído com o desenvolvimento da Química é o de ácido-base.

Para os egípcios, gregos e romanos o vinagre era a única substância ácida conhecida. Ele resultava da “azedia” ou oxidação do vinho pelo ar. Ácido significava, literalmente, azedo.

Entre os alcalis (da palavra árabe al kali, que significava cinzas de plantas), nome que se dá ás bases que se dissolvem em água, figuravam a “potassa” (carbonato de potássio), obtida de cinzas de madeira, a “soda” (carbonato de sódio), obtida da evaporação de águas minerais, e a “cal” (óxido de cálcio), obtida pelo aquecimento de conchas.

A definição mais tradicional dos ácidos e bases foi dada pelo cientista sueco Svante Arrhenius, que estabeleceu os ácidos como substâncias que - em solução aquosa - liberam íons positivos de hidrogênio (H+), enquanto as bases, também em solução aquosa, liberam hidroxilas, íons negativos OH-.

No entanto, as soluções ácidas não são todas iguais, assim como as soluções alcalinas ou básicas.

É, então, necessário encontrar uma grandeza que nos permita estabelecer a diferença entre soluções mais ou menos ácidas, mais ou menos básicas ou soluções neutras.

Para uma análise qualitativa utilizamos um indicador de ácido-base, que é um composto (ácido ou base) que, em solução, apresenta uma cor que depende da acidez ou alcalinidade do meio (pH). Os indicadores são duplamente corados, isto é, apresentam uma coloração em meio ácido e outra em meio alcalino. Há, porém, indicadores com coloração única, por exemplo, a fenolftaleína que é incolor em meio ácido e, vermelha em meio alcalino. Esses indicadores são utilizados na forma de solução, sendo na maioria das vezes, a água ou álcool o solvente.




Para caracterizar quantitativamente a acidez ou basicidade das soluções, os químicos estabeleceram uma escala numérica, a escala de pH. O pH de uma solução aquosa a 25ºC pode variar de 0 a 14, correspondendo o valor 7 às soluções neutras.


Sendo assim, indique e explique dois usos cotidianos ou industriais dos indicadores ácido-base.

11 comentários:

  1. Os indicadores ácido-base são utilizados para medir o pH. O pH é usado de várias maneiras no nosso dia-a-dia.

    A água quebebemos é tratada e o seu pH deve ser controlado.


    Seu estômago deve ter o pH controlado (se estiver com azia significa que o pH do seu estomago está acido e aí vc toma um neutralizante chamado antiácido)

    ResponderExcluir
  2. Marcelo Bitti
    Também chamado de indicador de pH ou indicador de neutralização, um indicador ácido-base são, usualmente, compostos orgânicos de elevado peso molecular, que se comportam em soluções aquosas como ácidos fracos (indicadores ácidos), ou base fracas (indicadores básicos), e mudam gradualmente de coloração dentro de uma faixa relativamente estreita da escala de pH, chamada de zona de viragem, ou zona de transição.
    Existe também o indicador universal, tanto em solução como em papel, que é uma mistura de vários indicadores.

    ResponderExcluir
  3. O ácido-base está presente em refrigerantes, alimentos, remédios, produtos de higiene ou cosméticos. São ainda matérias primas indispensáveis em um vasto universo de aplicações industriais. A tal ponto que a produção de ácido sulfúrico e soda cáustica.
    Beijinhos! Lívia!

    ResponderExcluir
  4. São usualmente, compostos orgânicos de elevado peso molecular, que se comportam em soluções aquosas como ácidos fracos (indicadores ácidos), ou base fracas (indicadores básicos), e mudam gradualmente de coloração dentro de uma faixa relativamente estreita da escala de pH,usados para medir a solução apresentada.


    Isabela Lorencini 1ºano EM

    ResponderExcluir
  5. Fenolftaleína: permanece incolor em soluções ácidas e torna-se cor de rosa em soluções básicas. A fenolftaleína é usada em alguns brinquedos, por exemplo como componente de colorações. Para desenvolver o cabelo e padrões gráficos "mágicos", a tinta é espargida com uma solução de hidróxido, a qual conduz a aparição de caracteres destacados pelo mesmo mecanismo descrito acima para a mudança de cor em solução alcalina.

    Vermelho de metila é um corante indicador que torna-se vermelho em soluções ácidas. Em microbiologia, o vermelho de metila é usado no teste Methyl Red (MR), usado para identificar bactérias produzindo ácidos estáveis por mecanismos de mistura de ácidos pela fermentação da glucose.

    ResponderExcluir
  6. Primeiramente, os indicadores mudam de cor pelo fato dos diferentes valores de pH.A viragem é quando temos a mudança de cor, e para o valor do pH se da o nome de ponto de viragem.

    1- Papel indicador universal - Adquire cor vermelha em soluções ácidas e cor azul aroxeada em soluções básicas
    2- TORNASSOL- ácido rosa;base azul

    ResponderExcluir
  7. Os indicadores são frequentemente utilizados para saber se o composto molecular é neutro, ácido ou base. São colocadas pequenas quantidades em uma solução, fazendo com que a coloração mude caso os indicadores de pH ligam-se aos íons H+ ou OH-. A ligação a estes íons provoca uma alteração da configuração eletrônica desses.
    Quando usada a fita de pH, observa-se que quando a coloração resultante possui número de 1 à 6 é ácido, numeração 7 é neutro e de 8 à 14 básico.
    São usados em indústrias para controle da qualidade de alimentos, da água e de produtos de limpeza, fermentação, fabricação de ácidos para processos de corrosão e reações químicas, entre outras utilizações.

    ResponderExcluir
  8. - Medir o pH da água que estamos bebendo, que para ser neutra tem que ter o pH igual a 7,0.

    - Medir o pH dos Refrigerantes, que seu pH tem que ser mais ou menos igual a 5,0.

    ResponderExcluir
  9. Caio César Fagundes6 de dezembro de 2011 15:37

    Exemplos de indicadores de ph ou neutralizaçao :

    -Em meio ácido, a antocianina do repolho roxo se torna vermelha; em meio básico, ela se torna azul/verde e em meio muito básico ela fica amarelada.
    A mudança de cor se deve à reação da antocianina com o ácido ou com a base formando íons de cores diferentes da molécula neutra roxa (um íon positivo avermelhado e um íon negativo esverdeado).

    -O vinho tinto também se comporta como um excelente indicador de pH. Sabe-se que a cor do vinho varia entre vários tons de roxo, desde roxo profundo até um tom bem avermelhado, de acordo com sua acidez. Em pH ácido, o vinho (que contém as antocianinas cianidina e malvidina, entre outras) fica vermelho; em pH básico fica verde.

    ResponderExcluir
  10. Exemplos:

    #Frutas, flores e folhas roxas geralmente possuem antocianinas indicadoras, semelhantes às do repolho roxo. O extrato de açaí, por exemplo, é vermelho intenso em meio ácido e azul em meio básico. O suco de amoras fica vermelho em meio ácido e esverdeado em meio básico. O mesmo ocorre com o extrato de jabuticaba, com o extrato de folha de trevo roxo, etc. As transformações químicas são similares às do repolho roxo.

    #As rosas, especialmente as mais avermelhadas, possuem pigmentos que se tornam azulados em meio básico, ficando avermelhados novamente quando o extrato alcalino reage com ácidos. A transformações são reversíveis.

    ResponderExcluir
  11. A maioria dos indicadores usados em laboratório são artificiais; porém, alguns são encontrados na natureza, como o tornassol, que é extraído de certos liquens. Nosso dia-a-dia, encontramos esses indicadores presentes em várias espécies: no repolho roxo, na beterraba, nas pétalas de rosas vermelhas, no chá-mate, nas amoras etc., sendo sua extração bastante fácil.

    ResponderExcluir