sábado, 20 de agosto de 2011

2º ANO - SOLUÇÕES SUPERSATURADAS

Solução que contém uma quantidade de soluto superior a solubilidade a uma dada temperatura. Em geral pode-se obter soluções supersaturadas aquecendo uma solução saturada que tenha parte do soluto não dissolvido. O aquecimento deve ser realizado até que todo o soluto presente se dissolva.


Um resfriamento lento, com a solução em repouso, até a temperatura inicial, pode permitir a obtenção da solução supersaturada, desde que o soluto não tenha cristalizado. A solução supersaturada é instável, e a mínima perturbação do sistema faz com que o excesso de soluto dissolvido precipite, tornando-se uma solução saturada com presença de corpo de fundo.


Vocês conhecem produtos de uso cotidiano que são preparados com aquecimento e formam uma solução supersaturada? Pesquise um e faça um breve comentário de como são preparados.

19 comentários:

  1. Temos que aquecer a solução para que se torne uma solução supersaturada,pois se não fizermos esse processo ela será uma solução saturada,mas temos que tomar cuidado pois a solução supersaturada é instável e qualquer movimento errado pode precipitar toda a solução.
    Então aquecemos para que ela se tone uma solução supersaturada temos vários exemplos como : Quando vamos fazer café ao colocarmos o açucar no copo com agua ao aquecermos se torna uma solução supersaturada !
    Temos também o mel, o melado de cana de açúcar e os xaropes que são alguns exemplos de soluções
    supersaturadas usadas no dia a dia.


    Bruna Corsini

    ResponderExcluir
  2. O mel, o melado de cana de açúcar e os xaropes são alguns exemplos de soluções supersaturadas usadas no dia a dia.
    A solução supersaturada é instável, e a mínima perturbação do sistema faz com que o excesso de soluto dissolvido precipite, tornando-se uma solução saturada com presença de corpo de fundo.
    Em geral pode-se obter soluções supersaturadas aquecendo uma solução saturada que tenha parte do soluto não dissolvido. O aquecimento deve ser realizado até que todo o soluto presente se dissolva. Um resfriamento lento, com a solução em repouso, até a temperatura inicial, pode permitir a obtenção da solução supersaturada, desde que o soluto não tenha cristalizado.

    ResponderExcluir
  3. supersaturada: solução que contém uma quantidade de soluto superior a solubilidade a uma dada temperatura. A solução supersaturada é instável, e a mínima perturbação do sistema faz com que o excesso de soluto dissolvido precipite, tornando-se uma solução saturada com presença de corpo de fundo.

    Em geral pode-se obter soluções supersaturadas aquecendo uma solução saturada que tenha parte do soluto não dissolvido. O aquecimento deve ser realizado até que todo o soluto presente se dissolva. Um resfriamento lento, com a solução em repouso, até a temperatura inicial, pode permitir a obtenção da solução supersaturada, desde que o soluto não tenha cristalizado.

    O mel, o melado de cana de açúcar e os xaropes são alguns exemplos de soluções

    ResponderExcluir
  4. Uma solução é dita supe aturada quando contém, a uma determinada temperatura, uma quantidade de soluto dissolvido superior ao coeficiente de solubilidade da substância nessa temperatura. A solução supe aturada é instável e a mínima perturbação do sistema faz com que ela se torne uma solução saturada com a presença de precipitado.
    ex : pode ser o mel de melado e cana de açucar.

    ResponderExcluir
  5. Solução Sobressaturada (ou superssaturada)

    Isto só acontece quando o solvente e soluto estão em uma temperatura em que seu coeficiente de solubilidade (solvente) é maior, e depois a solução é resfriada ou aquecida, de modo a reduzir o coeficiente de solubilidade. Quando isso é feito de modo cuidadoso, o soluto permanece dissolvido, mas a solução se torna extremamente instável. Qualquer vibração faz precipitar a quantidade de soluto em excesso dissolvida.
    ocorre em mel de melado.

    MARCOS RENER

    ResponderExcluir
  6. Uma solução é dita supersaturada quando contém, a uma determinada temperatura, uma quantidade de soluto dissolvido superior ao coeficiente de solubilidade da substância nessa temperatura. A solução supersaturada é instável e a mínima perturbação do sistema faz com que ela se torne uma solução saturada com a presença de precipitado.
    O mel, o melado de cana de açúcar e os xaropes são alguns exemplos de soluções supersaturadas usadas no dia a dia.

    ANNA LUÍSA.

    ResponderExcluir
  7. Oi! Galera...tentem novamente...acho que agora da!

    ResponderExcluir
  8. Melânia Engelhardt Lisboa25 de agosto de 2011 05:21

    soluçao supersaturada: solução que contém uma quantidade de soluto superior a solubilidade a uma dada temperatura. A solução supersaturada é instável, e a mínima perturbação do sistema faz com que o excesso de soluto dissolvido precipite, tornando-se uma solução saturada com presença de corpo de fundo.

    Em geral pode-se obter soluções supersaturadas aquecendo uma solução saturada que tenha parte do soluto não dissolvido. O aquecimento deve ser realizado até que todo o soluto presente se dissolva. Um resfriamento lento, com a solução em repouso, até a temperatura inicial, pode permitir a obtenção da solução supersaturada, desde que o soluto não tenha cristalizado.

    O mel, o melado de cana de açúcar e os xaropes são alguns exemplos de soluções
    supersaturadas usadas no dia a dia.

    ResponderExcluir
  9. "Quando você mergulha na banheira ou toma uma ducha, a água só consegue arrastar algumas partículas de sujeira, coladas na superfície do corpo. Pois todo tipo de poeira ou de germe, mal encosta na pele, fica grudado em uma película oleosa. Trata-se da melhor emulsão protetora de que se tem notícia — a mistura do suor com a gordura secretada pelas glândulas sebáceas. O suor, como é ácido, dificulta a sobrevivência dos rnicroorganismos nocivos que, porventura, ousam se instalar na pele; já o sebo reveste a superfície, cobrindo certas brechas que poderiam servir de entrada para os germes. Ao longo das horas, porém, essa película engrossa, intercalando camadas de óleo e de sujeira. A pele fica cada vez mais pegajosa, e daí só tem um remédio — o sabão."Ao aquecer a mais de 80 graus Celsius qualquer espécie de gordura com soda cáustica ou outra substância muito alcalina, eu realizo uma saponificação, ou seja, fabrico sabão", explica o farmacêutico Luiz Antonio Gioielli, da Universidade de São Paulo, que há quinze anos pesquisa os ácidos graxos, o elemento comum às substâncias gordurosas.
    "Nessa reação, formam-se moléculas com dois pólos, um solúvel em água e outro, em gordura." Em pleno banho, essas moléculas de sabão ficam cravadas em cada minúscula gota de água, deixando para fora a sua metade capaz de se ligar à gordura do corpo. Na realidade, ninguém molha o corpo por inteiro. Uma olhada pelo microscópio mostra que as gotículas de líquido se espalham distantes entre si sobre a pele. Mas tudo bem, porque as moléculas de sabão, alcalinas, atraem feito pequenos ímãs aquele sebo, que é ácido, com pH (índice de acidez) em torno de 4,5. Seqüestrada, a sujeira oleosa é conduzida pela água, até escoar pelo ralo.
    otávio orletti fonseca campos

    ResponderExcluir
  10. - supersaturada: solução que contém uma quantidade de soluto superior a solubilidade a uma dada temperatura. A solução supersaturada é instável, e a mínima perturbação do sistema faz com que o excesso de soluto dissolvido precipite, tornando-se uma solução saturada com presença de corpo de fundo.
    O mel, o melado de cana de açúcar e os xaropes são alguns exemplos de soluções.

    ResponderExcluir
  11. Quando deixamos em repouso um pote de mel, cujo principal soluto é a glicose, esta se cristaliza. Quando isso acontece, muitas pessoas pensam que o mel se transformou em açúcar comum (sacarose). No entanto, se aquecemos este mel em banho-maria, o aumento da temperatura fará com que a glicose cristalizada se dissolva, regenerando a solução supersaturada inicial.

    ResponderExcluir
  12. Um exemplo básico de solução supersaturada após o aquecimento é o açúcar. Quando colocamos o açúcar em uma panela e o aquecemos a solução obtida é denominada supersaturada, sendo extremamente instável, ou seja, facilmente ocorre a precipitação.

    Ass: Rafaela

    ResponderExcluir
  13. Todos os corpos que nos rodeiam, fazem parte da matéria do universo. Cada espécie de matéria é uma substância. A substância é constituída de elementos. E a união de duas ou mais substâncias forma uma mistura. A solução supersaturada é a solução que contém uma quantidade de soluto superior a solubilidade a uma dada temperatura, ela é instável, e a mínima perturbação do sistema faz com que o excesso de soluto dissolvido precipite, tornando-se uma solução saturada com presença de corpo de fundo. O mel, o melado de cana de açúcar e os xaropes são alguns exemplos de soluções
    supersaturadas que usadas em nosso cotidiano.

    Millena Merlo

    ResponderExcluir
  14. Uma solução é dita supersaturada quando contém, a uma determinada temperatura, uma quantidade de soluto dissolvido superior ao coeficiente de solubilidade da substância nessa temperatura. A solução supersaturada é instável e a mínima perturbação do sistema faz com que ela se torne uma solução saturada com a presença de precipitado.
    Por exemplo,quando a sacarose é dissolvida em água (H2O), suas moléculas se espalham e se misturam completamente com a água. Cada gota da solução contém sacarose e água nas mesmas proporções.

    A solubilidade de muitas substâncias aumentam com a temperatura. Quando resfriamos, o excesso que foi dissolvido tende a precipitar. Mas se o resfriamento for lento, sem abalos físicos, a temperatura pode cair sem que haja precipitação do soluto. Aí é que temos uma solução supersaturada, que é instável. Qualquer abalo físico, ou colocando-se um pequeno cristal de soluto, imediatamente o excesso precipita.

    Temos como exemplos de soluções supersaturadas, o mel de abelha, água mineral com gás, xaropes, melado de cana de açúcar.

    JÚLIA CREMA

    ResponderExcluir
  15. Sim, conheço muitos produtos, dentre eles o chá, ou café (o açucar de ambos).
    Necessita-se qe a água comece a entrar em ebulição (T=100º), e é acrescentado o pó de café e o açucar que com a temperatura muito alta é dissolvido na água com o pó de café, depois é coado e está pronto para beber um delicioso e bem quetinho café.
    O açucar em questão consegue ser dissolvido, pelo fato da temperatura da água numa certa quantidade. Quanto maior a temperatura, mais quantidade de açucar irá dissolver.

    ResponderExcluir
  16. O Mel é uma solução supersaturada de glicose e frutose, ou seja, a água existente no Mel contem, dissolvidos dois açúcares, é muito superior às de uma solução normal.
    É, por isso, que é uma solução instável, cuja evolução se dá, inexoravelmente, no sentido da estabilidade: a água rejeita os açúcares nela dissolvidos em excesso, que se agrupam em cristais.
    A cristalização do Mel é um fenómeno natural. A rapidez da cristalização depende da proporção glicose/água, da proporção frutose/glicose, da viscosidade, e da temperatura.
    Altos valores da relação glicose/água apressam a cristalização.
    Um Mel com alto teor de frutose, e, portanto, uma proporção frutose/glicose elevada, tem tendência para uma cristalização lenta; se, pelo contrário, tiver um elevado teor de glicose, e, por conseguinte, uma baixa proporção frutose/glicose, tenderá a cristalizar rapidamente.
    Um Mel muito viscoso cristaliza mais lentamente.
    Quanto à temperatura, valores extremos, altos ou baixos, retardam a cristalização. Esta tem um desenvolvimento óptimo a 14° C.
    Uma cristalização rápida produzirá cristais pequenos e finos, enquanto uma cristalização lenta conduzirá a cristais grandes e grosseiros. Resta acrescentar que, para que cristalização ocorra, é necessário que os cristais tenham suporte físico para se iniciarem -os chamados núcleos: grãos de pó, grãos de pólen e pequenas impurezas em suspensão no Mel.
    Isabela Gama Canal

    ResponderExcluir
  17. como todos nos sabemos, uma solução supersaturada é toda aquela solução que contém a uma determinada temperatura, uma quantidade de soluto dissolvido superior ao coeficiente de solução. Com tudo, durante a aula pratica aprendemos que mesmo uma solução contendo uma substancia supersaturada, ela pode ter uma "aparência" digamos assim fraca, por ser estável e que qualquer agito, pode fazer com que ela se cristalize.Entanto só cheguei a essa conclusão observando o que foi feito, principalmente na parte em que se colocou o acetado de sódio, para fazer com que a solução volta-se ao estado solido, onde foi ai , que entendi como uma solução supersatura á qualquer agito pode se desestruturar e de como é incrível a proporção que uma substancia supersaturada pode chegar.De fazer com que seu soluto seja maior que a solução. FIM


    Espero que esse comentário tenha critérios, certeiros, relacionados ao que foi dito durante a aula pratica. Para terminar esta ai um exemplo de substancia supersaturada e de como bota-la em pratica.


    A solução supersaturada pode ser preparada da seguinte forma:

    Dissolvem-se 39,0 g de NaCl em 100 g de H2O a 100ºC, obtendo-se assim uma solução insaturada. Deixa-se o sistema resfriar em repouso absoluto até 50ºC. O resultado é uma solução supersaturada, contendo 2,0g de NaCl dissolvidos, acima do coeficiente de solubilidade nessa temperatura. Submetendo-se o sistema nessas condições a qualquer perturbação, ou acrescentando-se ao sistema um cristal de NaCl, por menor que seja, imediatamente os 2,0g em excesso se precipitam para o fundo do recipiente.

    ResponderExcluir
  18. Otávio Orletti Fonseca Campos1 de setembro de 2011 12:17

    Solução supersaturada é a que contém uma quantidade de soluto superior a solubilidade a uma dada temperatura. A solução supersaturada é instável, e a mínima perturbação do sistema faz com que o excesso de soluto dissolvido precipite, tornando-se uma solução saturada com presença de corpo de fundo.

    Em geral pode-se obter soluções supersaturadas aquecendo uma solução saturada que tenha parte do soluto não dissolvido. O aquecimento deve ser realizado até que todo o soluto presente se dissolva. Um resfriamento lento, com a solução em repouso, até a temperatura inicial, pode permitir a obtenção da solução supersaturada, desde que o soluto não tenha cristalizado.

    O mel, o melado de cana de açúcar e os xaropes são alguns exemplos de soluções supersaturadas usadas no dia a dia.

    ResponderExcluir
  19. Otávio Orletti Fonseca Campos1 de setembro de 2011 12:19

    Solução supersaturada é a que contém uma quantidade de soluto superior a solubilidade a uma dada temperatura. A solução supersaturada é instável, e a mínima perturbação do sistema faz com que o excesso de soluto dissolvido precipite, tornando-se uma solução saturada com presença de corpo de fundo.

    Em geral pode-se obter soluções supersaturadas aquecendo uma solução saturada que tenha parte do soluto não dissolvido. O aquecimento deve ser realizado até que todo o soluto presente se dissolva. Um resfriamento lento, com a solução em repouso, até a temperatura inicial, pode permitir a obtenção da solução supersaturada, desde que o soluto não tenha cristalizado.

    O mel, o melado de cana de açúcar e os xaropes são alguns exemplos de soluções supersaturadas usadas no dia a dia.

    ResponderExcluir